A&EXTRAS

EUA destacam milhares de soldados para deter caravana de imigrantes que marcha para o país

O presidente Donald Trump ordenou que mais de 5 mil homens das Forças Armadas dos EUA se desloquem até a fronteira mexicana para impedir a entrada da caravana de imigrantes que vêm a pé de Honduras. 

O número reforça os 2 mil guardas nacionais que já estão no local. 

“Não permitiremos que o grupo entre nos Estados Unidos de forma perigosa e ilegal”, afirmou Kevin McAleenan, chefe do serviço de proteção das fronteiras. 

Trump afirmou, pelo Twitter, que a caravana está repleta de membros de gangues e “pessoas muito más”.  “Por favor, voltem para casa, vocês não serão aceitos nos EUA, a menos que sigam um procedimento legal”, insistiu o presidente americano. 

A caravana, compostas de milhares de migrantes, se formou em Honduras, atravessou a Guatemala e agora marcha pelo México rumo aos EUA. O grupo entrou em território mexicano por meio do rio Suchiate, atravessando as águas em jangadas improvisadas ou a nado. 

Uma outra caravana está em formação, e deverá sair de Honduras em breve. 


João deixa seu passado de tragédias para trás em Santo Cristo e parte em busca de uma vida melhor em Brasília. FAROESTE CABOCLO. Terça, dia 6, às 18h30


Fonte: Carta Capital | Imagem: YouTube/Reprodução