A&EXTRAS

Google recebe multa histórica na Europa: 4,3 bilhões de euros

A&Extras
Por: A&E Brasil

A Comissão Europeia impôs ao Google uma multa de 4,3 bilhões de euros por exercer práticas ilegais com seu sistema operacional Android a fim de administrar o domínio absoluto de seu buscador nos dispositivos. A sanção é a de maior valor na história da instituição. 

Segundo disse em um comunicado da Comissária Europeia para Concorrência, Margrethe Vestager, “a Google utilizou os serviços do Android como um veículo para consolidar a posição dominante de sua ferramenta de busca”. Essas práticas privaram os consumidores europeus das vantagens de uma concorrência efetiva. Além disso, as autoridades deram um prazo de 90 dias para que a empresa norte-americana mude suas políticas, ou poderá receber novas multas. 

Por sua vez, a Google anunciou que apelará da decisão. A sanção constitui um novo recorde depois dos 2,4 bilhões de euros impostos em 2017 à Google por favorecer seu comparador de preços no seu buscador, em detrimento dos da concorrência. Essa multa chega em um contexto especialmente tenso entre a União Europeia e os Estados Unidos por sua disputa comercial e suas diferenças na OTAN. 

A punição pode alcançar, segundo as regras europeias de concorrência, até 10% do volume de negócios globais da empresa multada. A Alphabet, proprietária da Google, faturou em 2017 aproximadamente 110 bilhões de dólares.


Nova temporada de BULL - toda quinta às 21h40


Fonte: Infobae