A&EXTRAS

Por que a filha de Paul Walker acusa a Porsche pela morte de seu pai?

A filha do falecido ator apresentou uma ação judicial contra a montadora alemã, alegando que as perícias forenses realizadas no automóvel que seu pai dirigia revelaram defeitos de fabricação.

 

Meadow Rain Walker, a filha adolescente do falecido Paul Walker, pediu uma indenização milionária pelos supostos defeitos que impediram seu pai de escapar do Carrera GT que tirou sua vida.

 

O famoso ator, protagonista da série de filmes de ação “Velozes e Furiosos”, morreu em novembro de 2013, aos 40 anos, quando seu carro pegou fogo após bater contra uma árvore, na Califórnia.

 

Ele dirigia um dos mais de 1.200 modelos do Porsche Carrera GT que a montadora alemã comercializou entre 2004 e 2007, a preços que oscilaram em torno de meio milhão de dólares.

 

Trata-se de um veículo de corridas autorizado a circular em vias públicas e capaz de chegar aos 300 km/h. De acordo com os especialistas, ele carece de um sistema adequado de estabilização e de medidas de segurança para facilitar a fuga em caso de incêndio.

 


FONTE: BBC

IMAGEN: Shutterstock