A&EXTRAS

“Alien” faz 40 anos e a tenente Ripley segue como uma das personagens mais duronas do cinema

Alien, o Oitavo Passageiro (1979), dirigido por Riddley Scott, é, sem dúvidas, um dos grandes clássicos de terror/ficção científica de todos os tempos. 

A história, que se passa a bordo de uma espaçonave comercial, mostra como uma estranha criatura acaba se infiltrando na nave depois que a tripulação resolve fazer uma parada não programada em um planeta antes de voltar para a Terra. 

Aos poucos, o alienígena vai matando cada um dos tripulantes – mas terá trabalho para liquidar a poderosa Ellen Ripley, papel que transformou Sigourney Weaver numa das maiores estrelas de Hollywood.  

Sente o clima: 

A tenente Ripley é a precursora máxima das heroínas dos filmes de ação – gênero que durante muito tempo foi dominado por figuras masculinas extrafortes, como Arnold Schwarzenegger, Sylvester Stallone e Bruce Willys.

Somente hoje, décadas depois, é que estamos assistindo mais mulheres protagonizando esse tipo de produção: Tomb Raider, Jogos Vorazes, Kill Bill, Valente, Mulher Maravilha, Capitã Marvel, etc. 

Se você ainda não viu esse clássico, precisa assistir o quanto antes. Mesmo sendo de 40 anos atrás, os efeitos continuam impressionantes: as mortes violetas e sangrentas, o próprio monstro, as perseguições e o clima geral do filme – e tudo isso sem efeitos especiais digitais. 

A gente garante que o susto vai ser igual ao dos filmes atuais!

E tem mais: como parte das comemorações dos 40 anos, o filme está sendo exibido em várias salas de cinema pelo Brasil!


Fonte: Military  | Imagem: Fox/Divulgação