60 DIAS INFILTRADOS NA PRISÃO: ATLANTA

JON

Jon começou a trabalhar na aplicação da lei aos 21 anos porque queria ajudar as pessoas e servir seu país. Em 2001, passou um ano trabalhando como subdelegado da Jail Operations no Kansas. Depois, trabalhou para o departamento de justiça como U.S. Marshal e agente de detenção para o serviço de imigração e naturalização por quatro anos. Ele também serviu o exército americano e o Kansas Army National Guard por nove anos como médico e agente. Após ser dispensado, Jon continuou trabalhando na área de saúde – primeiro, em um hospital próximo e, depois, em um centro de emergência.

 

Jon é um veterano e ex-agente de aplicação da lei, que ficou desencantado com o sistema e quer, agora, dedicar sua vida profissional ao ativismo de direitos civis. Com seu novo MBA, que recebeu no ano passado, Jon planeja iniciar uma organização sem fins lucrativos na sua cidade conservadora. Ele quer “caminhar com seus próprios pés” e colocar suas palavras em prática.

 

O coronel está animado em ter alguém com a enorme experiência de Jon na aplicação da lei para fazer parte de sua penitenciária e oferecer uma avaliação meticulosa à prisão do condado de Fulton.